Deus Eterno - História por trás de uma canção

Patrícia Rocha Bello Bertin

"Nós O amamos porque Ele nos amou primeiro" (I João 4:19).

De alguma forma, na noite em que compus “Deus Eterno”, o Senhor me chamava à adoração. Lembrei-me dos dias de infância, em que, na presença do Senhor, eu pegava o violão do meu pai e, ensaiando alguns acordes, harmonias eram rascunhadas, e eu compunha melodias e letras para Ele. Assim, aos oito anos de idade, escrevi para o Senhor: “Pai meu, estou sentindo uma paz em meu ser. No meu coração está escrito: Tua graça me bastará!”

"Então, ele me disse: A minha graça te basta, porque o poder se aperfeiçoa na fraqueza..." (II Coríntios 12:9).

Gravei um disco aos nove anos, com várias composições minhas. Muita coisa se passou em minha vida, desde então. Por motivos que só o Senhor conhece ao certo, afastei-me do propósito divino e experimentei aventuras amargas, na adolescência. Mas nunca me foi tirada a convicção de que Deus tinha um propósito especial na minha vida, reservado para o momento em que eu a entregasse efetivamente a Ele. E sim, de uma forma maravilhosa, o Senhor me resgatou do lamaçal do pecado e me reconduziu ao caminho estreito, mas que conduz à vida eterna. Em resposta às orações de minha mãe, meus irmãos e da igreja em geral, o Senhor havia me “protegido com as próprias mãos” e trazido ao Seu aconchego.

"Não fostes vós que me escolhestes a mim; pelo contrário, eu vos escolhi a vós outros e vos designei para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça..." ( João 15:16).

Na intimidade do meu quarto, sentei-me ao teclado e ao tocar os primeiros acordes, uma melodia suave me veio em mente. Poucos dias antes, havia escrito uma letra, romântica, para o homem pelo qual estava apaixonada, e que veio a se tornar meu marido... Presente de Deus... Por um momento, pensei que aquela melodia caberia na letra de amor. Mas, assim como fizera muitas e muitas vezes em minha infância, naquela noite, o Senhor fazia arder em meu coração o desejo de render-Lhe louvor. Aquela seria uma noite de restauração do meu ministério. O desejo de ver o cumprimento de Suas promessas, em minha vida, era, sem dúvida, a principal motivação para compor, naquele momento. E enquanto o meu espírito estava sendo ministrado pelo Espírito de Deus, em fé, declarei que “os planos do Senhor não seriam frustrados na minha vida”. Afinal, “para Ele, nada é impossível”. Há pouco, Ele me havia buscado em amor, como um pastor à ovelha perdida. “Quem jamais poderia questionar a soberania de Deus?” Como muitos, “eu O conhecia de ouvir falar”, mas percebi, naquele momento, pela fé, que Ele já estava fazendo cumprir em mim, o Seu bom propósito.

"Bem sei que tudo podes, e nenhum dos teus planos pode ser frustrado" (Jó 42:2).

E “foi por amor, que a Ele novamente entreguei meu coração, em retribuição ao amor eterno com o qual me atraiu”. Foi então que comecei a adorá-Lo, dizendo: “Deus eterno, Senhor nosso, Maravilhoso é o Teu nome... Para Ti nada é impossível...” A letra parecia encaixar perfeitamente na melodia, enquanto a harmonia era definida aos poucos. Por resultar das reflexões sobre as recentes experiências que havia tido com o Senhor, a letra surgiu naturalmente.

"Eu te conhecia só de ouvir, mas agora os meus olhos te vêem" (Jó 42:5).

E é por tudo isto que sou abençoada, sempre que louvo ao Senhor com a canção “Deus Eterno”, e é também por isto que acredito que o Senhor pode a muitos edificar por meio dela. É uma declaração de amor a quem verdadeiramente nos amou primeiro!

"Ó Senhor, Senhor nosso, quão maravilhoso é o teu nome em toda a terra!" (Salmos 8:1).

Deus Eterno

Patricia Bello Bertin

Deus eterno Senhor nosso
Maravilhoso é o teu nome
Para ti nada é impossível
Teus planos não serão frustrados
Fortaleza tu és
Me proteges com tuas próprias mãos

Quem poderá questionar
Tua soberania
Te conhecia de ouvir falar
Mas agora meus olhos podem ver
Maravilhas tens prá mim
Contigo quero andar

Foi por amor
Que eu entreguei
O meu coração
Pois com amor
Eterno fui atraído a ti

 

Esta música faz parte do CD "Vestes de Louvor" - visite o site: www.vestesdelouvor.com

VOLTAR